X CONGRESSO BRASILEIRO DE MASTOZOOLOGIA

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


TÍTULO

PERCEPÇAO DA SOCIEDADE EM RELAÇAO AS CAPIVARAS NO LAGO VITORIA REGIA, HOLAMBRA-SP

Resumo

A Capivara (Hydrochoerus hydrochaeris) é membro da família Hydrochoeridae, sendo o maior roedor existente no mundo, possuindo uma ampla distribuição geográfica no Brasil. A sua ocorrência em áreas antropizadas estabeleceu uma nova categorização para essa espécie, como uma população-problema, pois ao longo do tempo as florestas vêm passando por alterações, causadas pelo homem, sendo transformadas em pastagens, áreas de agricultura e cidades levado as capivaras a conquistar novos nichos, aumentando as interações com a população humana. Assim, este trabalho teve como objetivo avaliar a percepção da sociedade civil da cidade de Holambra- SP sobre a presença das capivaras no Logo Vitória Regia localizado no centro da cidade e os problemas associados a elas. A metodologia utilizada foi uma pesquisa de abordagem, por se tratar de um estudo de caráter exploratório e analítico. Como instrumentos metodológicos para a coleta de dados foram utilizados o grupo focal e a entrevista individual semi-estruturada. Foi utilizada a abordagem conceitual de Conhecimentos (C), Atitudes (A) e Práticas (P) dos entrevistados, os chamados estudos CAP, os quais investigam o comportamento humano em relação a um tópico específico. De um total de 41 entrevistas, composto por 71% (n=29) do sexo feminino e 29% (n=12) masculino, com idade mínima de 18 anos e máxima de 74 anos. Entre os entrevistados a maioria 61% (n= 25) residem na região, e 39% (n=16) residentes de Holambra. Observamos no decorrer do trabalho que 51% (n=21) dos entrevistados vêm a presença das capivaras de forma positiva e apenas 17% (n=7) veem de forma negativa, tendo o restante 32%, (n=13) relatado atitude neutra em relação aos animais. Nenhuma das reações negativas foram relacionadas a medo do animal; os participantes relataram apenas desvio do animal. Quando os participantes foram questionados sobre o que sabiam sobre as capivaras grande parte dos entrevistados 59% (n=24) conciliam a presença do animal com doenças relacionadas ao carrapato, apenas 7% (n=3) relataram informações da biologia e ecologia do animal, 24% (n=10) responderam não sei e 10% (n=4) não quiseram relatar nada sobre o animal. Assim, observamos que a presença dos animais não causa incômodo, no entanto a preocupação com a possibilidade de transmissão de doenças é forte. Desta forma, vimos a necessidade de um controle das interações entre as capivaras e a população no local, cabendo ao poder público tal ação. Um trabalho de conscientização e educação ambiental também deve ser realizado para que acidentes que causem danos aos animais, pessoas ou meio ambiente não aconteçam.

Palavras-chave

Áreas antropizadas, Hydrochoerus hydrochaeris, nichos, educação ambiental.

Financiamento

Área

Biologia da Conservação

Autores

Juliana Aparecida Lima, Marina Consuli Tischer